quinta-feira, junho 20, 2024
Transmissões ao vivo

COMO ESTÁ A NEGOCIAÇÃO PARA FIM DA GREVE DO CEFET – MG EM NEPOMUCENO

Ao menos 54 universidades, 51 institutos federais (IFs) continuam em greve desde abril deste ano, professores e servidores das instituições reivindicam reestruturação de carreira, recomposição salarial e orçamentária.

Segundo o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andres), há uma defasagem de 22,71% no salário dos professores, acumulada desde 2016. A entidade pede uma reposição salarial que considere essa diferença.

Os níveis de paralisação variam — em algumas instituições, professores e técnicos-administrativos aderiram à greve. Em outros casos, apenas os professores ou técnicos estão paralisados. No caso dos institutos federais, a greve atinge pelo menos 400 campi espalhados pelo país.

ACORDO COM PROIFES E NEGATIVA DE SINDICATOS

O acordo firmado entre o governo e o Proifes prevê a reestruturação da carreira docente, um reajuste de salário de 9% em janeiro de 2025 e 3,5% em maio de 2026. Além disso, o acordo também detalha o que a entidade define como “reestruturação na progressão entre os diferentes níveis da carreira”, que garantiria uma elevação de salário para profissionais em início de carreira.

Segundo o Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andres), no entanto, essa valorização aconteceria “às custas de mais uma desestruturação”, pois haveria uma redução no número de graus que a carreira possui atualmente, passando de 13 para 10.

Adersen Arantes

Adersen Arantes estudou Licenciatura Ciências da Comunicação na Universidade da República no Uruguai. Trabalhou como Repórter na Rede TV e Record em Parauapebas, Também atuou como apresentador de Telejornal no Sbt Tucuruí - PA e SBT Parauapebas - PA. Atualmente faz parte da equipe de Jornalismo do Grupo DTTV em Nepomuceno.

Deixe um comentário